sábado, 19 de junho de 2021

Jason Donovan - Greatest Hits (1991)

 

Talvez, num primeiro momento, muitos não liguem o nome à pessoa, mas vamos lá: Jason Donovan começou sua carreira muito cedo, atuando em séries de TV na Austrália, onde nasceu. Enquanto atuava, acabou também enveredando para a música e, entre uma série e outra, contracenou com Kylie Minogue (aquela do "I Should Be So Lucky" e, mais tarde, "Cant' Get You Out Of My Head", lembra?). O trio de produtores Mike Stock, Matt Aitken e Peter Waterman (mais conhecidos como Stock/Aitken/Waterman), que farejam sucesso à distância, do mesmo modo como levaram Kylie ao estrelato, conduziram também Jason aos estúdios da PWL Records e, dali, saiu no Reino Unido seu primeiro single, "Nothing Can Divide Us", no melhor estilo dance music dos anos 80, e chegou à posição de número 5 - um belo feito para quem está começando!

Tudo bem se você não conhece esta, mas os dois singles seguintes arrebataram as FMs no mundo todo, então é quase impossível não conhecer: "Especially For You", um dueto super romântico com Kylie Minogue, e "Too Many Broken Hearts" -  esta chegando à primeira posição.

Esta coletânea reúne estes e outros hits do artista, como "Everyday  (I Love You More)" e a romântica regravação da sessentista "Sealead With a Kiss", cuja voz macia e, ao mesmo tempo, firme de Jason contribuiu para torná-la novamente um hit (no Brasil, na mesma época, os teens Luan e Vanessa cantaram uma versão em português intitulada "Quatro Semanas de Amor"). Na mesma linha da década de 60, ele também regravou "Rhythm Of The Rain", dos Cascades.

O Cd, raríssimo, é um belo apanhado da carreira de Donovan. Deixe rolar!


01- Nothing Can Divide Us  [03:45]

02- Especially For You         [04:00]

03- Too Many Broken Hearts  [03:28]

04- Sealed With a Kiss     [02:32]

05- Everyday (I Love You More)   [03:27]

06- When You Come Back To Me  [03:31]

07- Hang On To Your Love    [03:02]

08- Another Night    [03:25]

09- Rhythm Of The Rain    [03:09]

10- I'm Doing Fine    [03:01]

11- R.S.V.P.    [03:09]

12- Happy Together    [03:11]

13- Fool Such As I    [02:36]


quarta-feira, 9 de junho de 2021

Elton John - Goodbye Yellow Brick Road (1973)

Este álbum, lançado em outubro de 1973, talvez seja um dos mais icônicos da carreira de Elton John.  O Lp saiu como um álbum duplo, mas o CD conseguiu reunir ambos num só disquinho. No Brasil, ele esteve entre os discos mais vendidos em 1974, ao lado de "Band On The Run", de Paul McCartney, e "Innervisions", de Stevie Wonder. 

A maior parte das faixas são bens inspiradas, com destaque óbvio para a faixa-título. O LP abre com "Funeral For A Friend (Love Lies Bleeding)". Apesar de estarem juntas, "Funeral For A Friend" e "Love Lies Bleeding" foram concebidas como músicas separadas. A primeira é uma instrumental de arrepiar e soa como uma peça operística; a segunda entra com tudo no rock 'n roll.  Elton uniu as duas porque a primeira termina na mesma nota em que a outra começa. E quem arrasa no sintetizador da ARP Instruments é o engenheiro de som David Hentschel, que sobrepôs as trilhas da música até conseguir o efeito desejado.

"Sweet Painted Lady" descreve, sob a óptica de um marinheiro que acabou de atracar no porto voltando de viagem, a vida de uma garota e como ela ganha a vida. A música consegue pintar nitidamente o cenário nada romântico: local meio decadente, bucólico e cinzento, bares simples e "garotas" (na verdade, prostitutas) à espera dos rapazes sedentos de "amor" que estão desembarcando. Ele sabe que não vai precisar procurar um lugar pra dormir porque uma delas passará, mais uma vez, a noite com ele, uma "doce dama pintada", numa alusão à maquiagem excessiva da menina.



"Então, ela se deita ao meu lado de novo/ Doce dama pintada/Aquela sem nome" ("So, she lays down beside me again/Sweet painted lady/The one with no name"), diz ele, que nem se preocupa em saber um pouco sobre ela - afinal, ele não está ali pra conversar. Ela é paga para "se deitar" ("Getting paid for being laid"); este é o trabalho dela e, de qualquer modo, eles irão logo embora.

"All The Girls Love Alice" é uma música sobre homossexualidade, sem precisar dizer isso diretamente e, ao mesmo tempo, sem deixar dúvidas sobre o assunto. Alice é uma garota de escola pública, que vive dizendo que a mãe não a ama e tal, e que não consegue se entender direito com os garotos. Mas as garotas, ah, essas amam Alice.

"Candle In The Wind" é atualmente lembrada pela homenagem feita no funeral da Princesa Diana, que a tinha como uma de suas canções preferidas mas, originalmente, a música foi feita para Marilyn Monroe, cujo nome de batismo era Norma Jean Mortenson (daí o verso inicial "Goodbye, Norma Jean"). A letra mostra uma visão afetuosa a respeito de Marilyn e retrata a dificuldade que a atriz tinha em manter um relacionamento amoroso, meio que à mercê da vontade dos outros, daí a comparação com uma vela ao vento - a chama fica instável e pode se apagar: "And it seems to me you lived your life/Like a candle in the wind/Never knowing who to cling to/When the rain set in" ("E me parece que você viveu sua vida /Como uma vela ao vento /Nunca sabendo a quem se agarrar/Quando a chuva começava").

Para a homenagem a Diana, alguns versos foram mudados. Por exemplo, "Goodbye, Norma Jean" virou "Goodbye, England's rose" ("Adeus, rosa da Inglaterra") e "Never knowing who to cling to" virou "Never fading with the sunset"  ("Nunca se apagando com o pôr do sol"), além de outras delicadas modificações.

A faixa -título é uma das mais belas melodias do LP.  A tal "Yellow Brick Road" ("Estrada de Tijolos Amarelos") é uma referência ao filme "O Mágico de Oz". Nele, Dorothy e seus amigos seguem pela tal estrada a fim de encontrar o mago, mas enfrentam diversas aventuras durante o trajeto. Assim, a estrada vira uma metáfora para algo que pode levar ao que tanto se quer, e a música traça o raciocínio oposto: "Adeus, estrada de tijolos amarelos" mostra o arrependimento do autor em ter buscado algo que julgou que seria o melhor para ele, mas não foi. 

Os primeiros versos fazem a constatação: "I should have stayed on the farm/I should have listened to my old man" ("Eu deveria ter ficado na fazenda/Eu deveria ter ouvido meu velho pai"). Depois, o autor se dirige à pessoa que deseja prendê-lo ali: "You know you can't hold me forever/I didn't sign up with you" ("Você sabe que não pode me segurar aqui pra sempre/Eu não assinei nada com você") e "You can't plant me in your penthouse/I'm going back to my plough" ("Você não pode me 'plantar' na sua cobertura / Estou voltando para o meu arado"). O verso seguinte sugere que ele tem se sujeitado aos desejos dos outros (estaria ele sob as ordens de um cafetão?): "I'm not a present for your friends to open" ("Eu não sou um presente para seus amigos abrirem").

Deste álbum, ainda é preciso destacar os vocais impecáveis de "Harmony" no refrão, e que se tornou uma das favoritas dos aficionados do artista; "Bennie And The Jets", que narra a fictícia história da banda que dá nome à música, e que eletrizava o público quando subia ao palco, e "Saturday Night's Alright For Fighting", que remete aos tempos em que o então jovem letrista, Bernie Taupin (parceiro musical de longa data de Elton) ia a boates, onde brigas eram comuns: cadeiras voando, garrafas se quebrando, pancadaria comendo solta -  Taupin nunca se envolvia nelas, mas tirou dali a inspiração para este rock 'n roll.

Se você gosta do cantor, este é um CD essencial.


01 - Funeral for a Friend (Love Lies Bleeding)    [11:07]

02 - Candle in the Wind    [03:49]

03 - Bennie and the Jets    [05:23]

04 - Goodbye Yellow Brick Road    [03:13]

05 - This Song Has No Title    [02:23]

06 - Grey Seal    [04:00]

07 - Jamaica Jerk-Off    [03:38]

08 - I've Seen That Movie Too    [06:00]

09 - Sweet Painted Lady    [03:54]

10 - The Ballad of Danny Bailey (1909-34)    [04:23]

11 - Dirty Little Girl    [05:01]

12 - All the Girls Love Alice    [05:09]

13 - Your Sister Can't Twist (but She Can Rock 'n Roll)    [02:42]

14 - Saturday Night's Alright for Fighting    [04:55]

15 - Roy Rogers    [04:07]

16 - Social Disease    [03:42]

17 - Harmony    [02:46]


Download